Main menu

Imagem de Bolsonaro derrete no exterior, e mundo teme Brasil

May 30, 2020

O americano Vincent Bevins, ex-correspondente do Los Angeles Times no Brasil, estava em São Paulo de passagem quando os números da pandemia explodiram.

Iria começar uma turnê de promoção de seu livro sobre ditaduras, "The Jakarta Method" (PublicAffairs), mas tudo parou. "Era para estar viajando pelo mundo", lamenta, confinado na praça da República...

Para o jornalista americano Brian Winter, vice-presidente da Americas Society/Council of the Americas, organização voltada à política externa dos EUA, porém, a crise na imagem do Brasil começou antes.

"Eu acredito que o Brasil é admirado internacionalmente quando é próspero", diz ele, editor da revista da AS/COA. "Não é o caso desde pelo menos 2013. Portanto, o declínio de sua imagem antecede Bolsonaro por vários anos".

Winter afirma, por outro lado, que "não há dúvida de que a reputação sofreu impacto adicional em 2019 com os incêndios na Amazônia". "E agora os holofotes estão novamente no país devido ao manejo da pandemia por Bolsonaro"...

Winter acha que a mudança pode vir antes. "A 'boa notícia' é que as memórias são muito curtas, especialmente na era das mídias sociais. Reputações podem ser rapidamente consertadas se as circunstâncias mudarem"...